Para esta obra prima da literatura universal, o foco do projeto foi fazer um livro compacto, confortável de ler e manusear, apesar do enorme volume de texto (mais de 2500 páginas).

Nesta edição usou-se o papel bíblia, extremamente fino e maleável, além da capa flexível com cantos arredondados, acabamento desenvolvido pela Geográfica para produção de bíblias. O material da capa também é do universo das bíblias, porém aqui foi usado do avesso, lembrando o material dos uniformes militares.

Os desenhos são apropriações de um pequeno livro antigo adquirido em viagem à Rússia, e foram desdobrados em páginas-duplas sequenciais, somando-se pela transparência do papel.

Alguns títulos aparecem invertidos, legíveis através da transparência, fazendo referência ao espelhamento das letras no alfabeto cirílico.


2011